Magdana’s Donkey

A viúva Magdana procura sustentar os três filhos com um comércio de iogurte que a obriga a uma itinerância longa e penosa até à cidade – até recolher um burro maltratado que poderá melhorar a vida a toda a família. Tratando o Cáucaso de finais do século XIX com uma sensibilidade neo-realista possibilitada pelo Degelo de Khruchtchov, e integrando alusões a outras épocas e injustiças, o filme, premiado em Cannes, marcou o renascimento do cinema georgiano.