30–06–2020

O Trabalho em foco na próxima edição do Doclisboa

A próxima edição do Doclisboa terá um ciclo dedicado ao Trabalho. De 22 de outubro a 1 de  novembro, será apresentado um programa de 20 filmes, de realizadores como Harun Farocki, Helke Sander, Hervé Le Roux, entre outros. A produção cinematográfica durante o período revolucionário português também vai estar em destaque neste ciclo. Este programa surge a partir de uma parceria entre o Doclisboa e a Agência Europeia para a Segurança e Saúde no Trabalho (EU-OSHA), que pretende promover a discussão, através do cinema, de direitos humanos e questões sociais relacionadas com o trabalho. 

 

Percorrendo a história do cinema, encontramos a noção de trabalho representada nas suas mais diversas possibilidades. Falar de trabalho é falar da sociedade em que vivemos: como chegámos aqui? As lutas de ontem e de hoje, o papel laboral da mulher, a imigração e as alterações sociais do último século, o desemprego, a precariedade e a liberalização. Neste programa, faremos pontes entre momentos marcantes do passado e ideias reveladoras do nosso presente. Numa era em que as questões laborais estão no centro do debate público, obrigando a repensar lógicas e modelos estruturais, este programa apela à discussão sobre temas que afectam toda a gente.

 

A complementar a programação haverá espaço para debates amplos sobre a relação entre o cinema, o trabalho e as suas representações cinematográficas. Estes debates acontecerão online, de forma a poder incluir participantes de diferentes contextos e territórios.

 

 

Notícias