OS LUGARES DA RESISTÊNCIA – ONDE REINVENTAR O MUNDO? #1
25 OUT / 18.00, Culturgest – Pequeno Aud.

Em Night for Day, o testemunho de Isabel do Carmo, desde que formou parte das Brigadas Revolucionárias e num diálogo construído com dois possíveis filhos da Lisboa de hoje, irrompe sobre os lugares que foram ou podem ter sido espaços onde se pensou e planeou um Portugal mais livre. A abrir a sessão, Verão Coincidente é um poema de Maria Teresa Horta sobre imagens da cidade de Lisboa. Em Casa sobre Casa, destrói-se o carácter limítrofe das paredes.

OS LUGARES DA RESISTÊNCIA – ONDE REINVENTAR O MUNDO? #2
27 OUT / 18.45, Culturgest – Pequeno Aud.
OS LUGARES DA RESISTÊNCIA – ONDE REINVENTAR O MUNDO? #3
29 OUT / 21.15, São Jorge – Sala 3
31 OUT / 16.30, São Jorge – Sala 3

Se em Himala pessoas diferentes em isolamento nas suas casas vêem o mesmo filme no computador, em Songwar(e) estamos desde logo no YouTube numa viagem pelos modos como as canções de intervenção permanecem e ganham novo significado – de A Internacional pelo Nyan Cat à Imagine por anónimos afinados. Em A Kid’s Flick, no isolamento que sucedeu aos protestos na Bielorrússia, uma jovem mantém viva a luta com a ajuda de feiticeiras combativas.

Secções